Implante capilar na Turquia: 5 motivos para você não ser enganado

Implante capilar na Turquia: 5 motivos para você não ser enganado

Implante capilar na Turquia: 5 motivos para você não ser enganado

O implante capilar na Turquia se tornou muito popular nos últimos anos. O país do leste europeu é, atualmente, um dos principais polos para realização do procedimento. Entretanto, o Brasil vem ocupando uma posição de destaque nesse tipo de cirurgia, já que conta com clínicas modernas, preparadas e profissionais altamente qualificados.

Aliado a isso, uma série de cuidados vem sendo observados pelos brasileiros, especialmente por conta dos perigos desconhecidos nas clínicas estrangeiras. Para ajudá-lo a entender melhor como funciona a perigosa indústria do implante capilar turco, reunimos neste artigo 5 aspectos negativos que você precisa entender sobre esse mercado. Confira!

1. Você não conhece a reputação dos cirurgiões

Antes de realizar qualquer procedimento cirúrgico para melhorar a autoestima, é fundamental verificar a habilitação dos profissionais envolvidos, em especial, o médico cirurgião. Em via de regra, investigar a qualificação de profissionais estrangeiros não é uma tarefa simples. Afinal, cada país tem suas próprias regras de regulamentação da profissão e fiscalização.

Não é demais lembrar ainda que, por se tratar de uma atividade extremamente importante, já que se trata do cuidado com a saúde e bem-estar de pacientes, é preciso estudar e se especializar por pelo menos 9 ou 10 anos antes de começar a realizar cirurgias estéticas, como é o caso dos implantes capilares.

Nesse contexto, é crucial se certificar de que os profissionais turcos, assim como todas as equipes médicas em qualquer parte do mundo tem de fato a qualificação necessária para realizar esse tipo de serviço. 

2. Existem muitos golpistas

O número de falsos médicos e de pessoas que exercem ilegalmente a medicina cresce cada vez mais ao redor do globo. Por isso, não são raros os casos de pacientes enganados, seja na consulta de pré-avaliação cirúrgica ou até mesmo durante a realização da intervenção em si.

De acordo com estudo divulgado pela International Society of Hair Restoration Surgery (ISHRS) sediada no estado de Illinois, EUA, apenas 20% das cirurgias de implante capilar na Turquia são realizadas por médicos devidamente habilitados para esse tipo de procedimento.

Encorajados pelos preços atrativos e o sucesso do mercado multimilionário, os preços aplicados são extremamente baixos — em relação à média praticada em clínicas credenciadas —, o que aumenta ainda mais o número de pessoas lesadas e reduz drasticamente a credibilidade dos profissionais da área.

3. Não há garantia de bom resultado no implante capilar na Turquia

O implante capilar é um procedimento que demanda muito planejamento nos detalhes da cirurgia. Portanto, deve ser avaliado de maneira criteriosa e segura para que os pacientes possam desfrutar a longo prazo dos benefícios oferecidos por esse tipo de tratamento.

No caso das cirurgias realizadas no exterior, é difícil o paciente se manter no país para realizar consultas posteriores ou eventuais correções. Portanto, as clínicas turcas não oferecem qualquer garantia de eficiência no resultado.

4. Resultados ruins podem ser irreversíveis

Embora o implante capilar seja pouco invasivo e os riscos durante o pós-operatório sejam mínimos, existem alguns problemas que devem ser considerados, como a qualidade do procedimento. Isso pode acontecer tanto em relação às cicatrizes inestéticas quanto em função do crescimento inadequado — ou até mesmo por conta da queda dos fios transplantados. 

Sendo assim, para evitar esse tipo de intercorrência desagradável é preciso conhecer bem os profissionais responsáveis pela cirurgia, já que estes serão responsáveis por dar maiores orientações a respeito da técnica. Por outro lado, optar pelo implante capilar na Turquia pode dificultar a correção de imperfeições, pois o contato com a equipe médica do país europeu pode ser menos eficiente.

5. Você não irá economizar quanto todos falam

Diferente do que muitas pessoas imaginam, o custo-benefício em realizar esse tipo de procedimento em um país estranho pode não valer a pena. Além dos riscos que já citamos anteriormente, você poderá não economizar tanto dinheiro quanto imagina.

Isso porque, para realizar o implante será necessário viajar e, consequentemente, arcar com despesas de passagens aéreas, hospedagem, alimentação, transporte, entre outros. Além disso, vale lembrar que a desvalorização do real frente ao Euro é significativa, portanto, na conversão das moedas o valor pode surpreender.

Concluindo, o implante capilar na Turquia é uma intervenção que oferece inúmeros riscos, por isso, sua escolha deve ser refletida com cautela. Ademais, para garantir resultados realmente satisfatórios é preciso contar com centros cirúrgicos modernos, equipes capacitadas e cirurgiões treinados a partir das mais modernas técnicas na realização desse tipo de cirurgia.

Gostou deste conteúdo? Então, entre em contato conosco e faça uma avaliação online agora mesmo!